terça-feira, 29 de setembro de 2009

Não sou daqui....

Não sei se sou ou não sou.
Não sei sequer de onde venho e para onde vou.
Sou daqui, sou dali, sou de qualquer sítio onde possa ser feliz.

O caminho faz-se...
vou caminhando...

Os amigos, aqueles verdadeiros encontro-os pelo caminho. Sempre!
Os outros.... os que se mascaram de amigos... aparecem quando precisam, quando lhes dá jeito, quando estão sozinhos....
A estes, apetece-me desprezá-los... Nem sequer os enfrentar! Deixá-los pelo caminho!
São pedras... pedras que vou utilizando para erguer o meu castelo. E para o tornar cada vez mais alto...
Pedras em que acabo por tropeçar... mas que levo comigo.
Pedras que guardo. Pedras que recordo.
Pedras, apenas... pedras.
pedras que me ensinam a não perder tempo com elas... porque não valem a pena. pedras que teimam em fazer-me recuar.
Mas não! Não recuo! Pelo contrário, levo-as comigo. E, quando sozinha vou erguendo o meu castelo, recordo-as...

6 comentários:

Anónimo disse...

Sózinha não estás porque tens amigos Verdadeiros que apesar de nem sempre te atenderem, podes ter a certeza de que quando for preciso está lá para o que der e vier. Sózinhas ficam as pedras que não se deixam carregar.
Eu também não sei já de onde sou, mas decerto serei de onde me sentir bem, feliz e acarinhada...e isso pode ser em qualquer lugar.
Um beijo e um xi coração apertado.

Porque acredito no amor disse...

Minha amiga.... tu sabes o quanto valorizo a amizade! Desde que seja verdadeira, sentida e vivida por ambas as partes! E mesmo a alguns km´s, sabes que faço por atenuar essa distância! Sabes o que me deixa feliz? perceber que, depois das lágrimas (das tuas) já consegui arrancar-te uns sorrisos!
Gosto muito de ti

Anónimo disse...

Bom amiga, tas a ver se me fazes chorar? Mas se sim, podes ter a certeza que estas serão de alegria, pois esta primavera foi colocada uma pedra no meu caminho que eu carrego com todo o gosto, apesar de ser um pouco pesadita. Lol.
Também gosto muito de ti, e tens mais duas pedritas que também gostam muito de ti. Um beijo e um xi coração

Porque acredito no amor disse...

E eu também gosto muito dessas duas pedritas.... Apesar da minha sobrinha mais velha às vezes ter vontade de me ver pelas costas!!! Tadinha! Mas olha, depois de tantas conversas e lágrimas, valeu a pena! (pelo menos assim espero!!!) Beijo

Anónimo disse...

Tao verdadeiro!!

Porque acredito no amor disse...

Anonimo
É verdadeiro sim senhor. Nestas palavras descrevo aquilo que sinto sobretudo no que respeita a essas amizades mascaradas que, na verdade, a única coisa que pretendem é não ficar sozinhas. Vão aproveitando, aproveitando... até ao dia em que acabam por ficar exactamente como não queriam: sozinhas.