domingo, 24 de maio de 2009

Aquilo que nao tenho...


Ando por aí. Perdida. Vagueio pelas ruas. Sozinha. À procura de ti. Procuro-te. Mas não te encontro. Tu não queres. Continuo a procurar. Aqueles que encontro dizem palavras de alento. "Não desistas!". Dizem alguns. "Luta!". Dizem os outros.

Mas... e eu? Não sei se quero. Não sei se luto. Não sei se devo lutar. Não sei se queres que lute. Não sei pelo que lutar. Não sei...

Não sei por onde vou. Muito menos sei onde estou.

O que tenho não quero. Desejo demais o que não tenho.

2 comentários:

Storyteller disse...

Nem sei o que te dizer... Vamos ver o mar?
Estamos as duas a precisar...

Angel disse...

Bem...
Destas palavras não estava à espera de ler...
Olha imensas vezes sinto-me assim...mas sabes, quando isso acontece...vou até à praia...e num cantinho muito solitário, grito...grito até a garganta me doer...depois reflicto e nesses momentos...encontro-me!
Mesmo que não tenha as respostas para o amanhã...para as ,minhas dúvidas e inseguranças...


Beijinhos

angel