sábado, 10 de janeiro de 2009

Como esperava este momento

Aconteceu. Não digo que O tenha encontrado novamente. Mas senti-O. Ansiava realmente por aquele momento que vivi ontem à noite. O espaço estava fantástico. O grupo de pessoas relativizou o frio que se fazia sentir. E as músicas foram sem dúvida o momento alto. Como diz a minha amiga storyteller, transformei-me. Os meus olhos brilharam, os meus lábios sorriram. Voltei a ser eu.

4 comentários:

Storyteller disse...

Foi mesmo impressionante verificar a transformação que se operou em ti. Mas aquilo que eu mais gostei de sentir foi a tua alma, porque dava para senti-la muito mais leve. Provavelmente ainda não se fez Natal no teu coração, mas estamos mesmo todos empenhados para que isso se realize.
Gosto muito de ti.

Porque acredito no amor disse...

O que se diz por aí é que o Natal é todos os dias, ou quando o Homem quiser. Portanto, vou acreditar que em breve será Natal "cá dentro".

Storyteller disse...

Se não acontecer, não será por falta de insistência e tentativas honestas!

Anónimo disse...

E eu confirmo! É verdade! Ali, naquela noite fria, foste de novo, tu própria.
Como vês (e nós também) não é fácil, mas é possível. A.T.